Quando tudo parece perdido…

E quando tudo parece perdido, a tempestade abranda, a chuva deixa de cair, as nuvens simplesmente desaparecem, como uma cortina que se abre, e deixam que o azul do céu mostre um sol ainda mais brilhante do que antes.
Quando o mundo parece querer desabar sobre a nossa cabeça, há uma mão que se estende num gesto inesperado, uma palavra de sossego que nos reconforta a alma e ajuda a cicatrizar as feridas mais profundas.
Quando tudo parece perdido, chega um momento em que as lágrimas deixam de cair, erguemos a cabeça, abrimos bem os olhos e percebemos que já não temos motivos para chorar.
Quando todas as portas se fecham e ficamos presos num corredor sem qualquer saída, eis que surge uma fresta que deixa passar a luz e volta a desafiar a nossa esperança.
A vida coloca-nos num labirinto de obstáculos, numa montanha russa de emoções e põe à prova a nossa perseverança. E é quando estamos prestes a desistir que descobrimos que, afinal, nada está perdido.

Créditos da imagem: Hilário Santos
Poderão consultar o seu blogue aqui.

Arquivo

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *