O melhor de ti

Se a coragem te faltar, vai além da coragem e enfrenta os medos. Se os limites te aprisionarem, liberta-te e ultrapassa-os. Se te cortarem as asas e não puderes voar, anda, um passo de cada vez, mesmo que doa.
Se a esperança te abandonar, ergue ainda mais os olhos e tenta alcançar o horizonte. Se as forças se transformarem em fraquezas pára, descansa um pouco, recupera, e regressa mais forte.
Se as pessoas te desiludirem, perdoa. Se te disserem que é impossível, mostra-lhes que estão erradas. Se as memórias te perseguirem, não fujas. Se os teus arrependimentos te impedirem de alcançar a paz que tanto procuras, aceita-os.
Se acordares a meio da noite com um pesadelo, respira fundo. Volta a deitar-te, encosta a cabeça na almofada e deixa-te adormecer. Para poderes sonhar. Amanhã, vais dar o melhor de ti e vais conseguir atingir o topo da montanha.

Créditos da imagem: Direitos Reservados

Arquivo

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *