Algures

Algures, não sei se longe ou perto, estão as respostas que procurei toda a minha vida. Algures, nesse caminho tortuoso e gelado que vislumbro, estão os momentos felizes que me faltam viver.
Algures, longe da tempestade de vento, chuva e frio, o sol brilha livremente num céu azul, sem qualquer nuvem. Estão pessoas que ainda não se cruzaram comigo, amigos que espero reencontrar, um dia. Estão sorrisos, lágrimas, alegria, tristeza, amor, indiferença.
Algures, há um infinito de oportunidades à minha espera. A cada esquina, a cada curva, a cada obstáculo que supero nesta estrada que é a minha vida, pode estar o que tanto quero alcançar. Só tenho de continuar a andar, passos firmes e serenos, e estar atenta. Porque sei que existes e estás algures.

Créditos da imagem: Rita Catarino
Poderão ver mais fotografias aqui.

Arquivo

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *