Sorrio…

Sorrio…
Mesmo quando a vida me troca as voltas e tenho de começar tudo de novo. 
Mesmo quando tropeço em realidades que preferia não conhecer.
Mesmo quando tudo se desmorona à minha volta e o chão desaparece literalmente, debaixo dos meus pés.
Sorrio…
Mesmo quando choro, quando olho para um mundo que não é o meu, onde não pertenço, onde não me encaixo. 
Mesmo quando tenho vontade de desistir de tudo e de todos e de abandonar a minha pele, de deixar de ser eu.
Sorrio, quando o sol brilha pela manhã e ilumina o meu rosto, quando oiço os pássaros a cantarolar simplesmente porque estão vivos.
Sorrio com as coisas simples, com um pôr do sol arrebatador, com uma paisagem de cortar a respiração, até com as gotas de chuva a caírem suavemente sobre a minha face. Sorrio ainda mais, quando devolvo o sorriso contagiante e sincero dos outros.

Créditos da imagem: Nathalie Aguiar

Arquivo

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *