Ao teu lado

Por que estás triste? Por que te fechas dentro da tua concha? Por que apagas a luz para que não te veja chorar? Deixa-me olhar para ti, para os teus olhos, deixa-me ver-te como és, deixa cair as lágrimas, desabafa, mostra o teu lado mais escuro. Eu já lá estive e posso ajudar-te, dar-te o meu carinho, limpar as tuas lágrimas, fazer-te rir. Posso dar-te um pouco de luz para que consigas ver por onde caminhas. Sabes que estarei ao teu lado.
Por que estás zangado? Por que estás tão revoltado com o mundo e com as pessoas? Não fujas, não silencies esse grito que está dentro de ti prestes a explodir. Atira-o para longe. Vais sentir-te melhor. Sabes que estarei ao teu lado.
Por que não consegues adormecer naquelas noites demasiado sombrias? Não tenhas receio de fechar os olhos e enfrentar os teus piores fantasmas. Sabes que estarei ao teu lado. Por que olhas para trás? Arrependeste-te do que não conseguiste fazer ou dizer? Perdoa-te. Ninguém é perfeito. Olha de novo para a frente, deixa ficar o passado onde está. Sabes que estarei ao teu lado.

Créditos da imagem: Patrícia Figueiredo

Arquivo

2 Comments

  1. What’s up mates, its wonderful piece of writing concerning cultureand fully defined, keep
    it up all the time.

    • Helena Simão
      Maio 29, 2017
      Reply

      Thank you Jerica!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *