Fica

Não te posso pedir para ficares. Ninguém tem o direito de comandar a vontade do outro. A tua liberdade tem o valor da tua felicidade, é o teu bem mais precioso. Não te posso pedir para me dizeres que sou tudo o que precisas. Tu nunca dirias algo desse género a ninguém e muito menos a mim, que sou aparentemente desprendida, aparentemente fria e indiferente a palavras doces.
É tudo aparência. Fico assim na tua presença. Não sei como agir, não sei o que dizer na esperança de não fazer nada que consideres ridículo, de não dizer nada que aches uma parvoíce. E, no entanto, é exatamente a figura que faço à tua frente.
Nada do que sou chega a ti, nada do que sinto parece chegar para ti. Fazes com que me sinta metade vazia sem a tua metade que iria encher-me por completo. Fazes com que me sinta menos do que sou porque nunca te vou ter e, ao não chegar a ti, nunca chegarei a mim.
Fazes com que me sinta incompleta porque descobri que só tu me completarias. Não te posso pedir nada porque nada é o que eu sou para ti e tudo o que queres é ir sem arrependimentos e sem dúvidas. Não te posso pedir, mas o meu coração diz baixinho “fica”.

Créditos da imagem: Direitos Reservados

Arquivo

2 Comments

  1. Elsa Janes
    Janeiro 25, 2017
    Reply

    Bom dia,
    Este o meu veradadeiro estado de alma
    Obrigada

    • Helena Simão
      Janeiro 25, 2017
      Reply

      Olá Elsa! Obrigada por estar desse lado! Um beijinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *