Caminho certo

Às vezes, parece que o céu está muito distante, escondido por um arvoredo denso e sombrio. Às vezes, parece que tudo acontece para que não tentes alcançar outro horizonte. Às vezes, parece que existes apenas para ouvires os lamentos dos outros, os desabafos dos outros, os gritos dos outros.
Às vezes, parece que tudo o que queres fazer corre mal. Ouves sempre não, percebes que não vai acontecer nem hoje nem amanhã nem num futuro próximo. Entras numa espiral de nãos e de desafios à tua força e resiliência. Por mais que tentes escapar, sabes que não vais sair ileso desta tormenta. Sabes que ou o barco vira ou és empurrado para fora rumo ao desconhecido, onde podes ou não sobreviver.
Limpa toda essa escuridão, afasta esses medos, abre bem os olhos e concentra-te no que te faz feliz. Quando percebes que estavas muito longe de ti, vais compreender que esses nãos que a vida te deu serviram para te colocar no caminho certo.

Créditos da imagem: Direitos Reservados

 

Arquivo

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *