Para lá do horizonte

Para lá do horizonte que os teus olhos alcançam, há um sol que brilha, que dá vida, que faz as flores crescerem e desabrocharem, que faz as pessoas sonharem. Para lá do horizonte, há todo um mundo que vibra, que respira de felicidade, há um mundo onde não existe tristeza nem medo nem solidão. Para lá de tudo isto que vejo e admiro, há ainda mais maravilhas para descobrir, mais gratidão para sentir, mais gestos de amor para alimentar o coração. A natureza dá-nos tanto! Ainda há mais para além deste horizonte?
Tudo aquilo que eu não consigo ver neste momento, mas em que acredito, existe? Posso ver, para além destes sinais de afeto do universo? Posso sentir, para além destes sinais divinos que iluminam o nosso mundo? Para lá destas paredes que limitam os nossos olhos, há toda uma abundância de paisagens, daquelas de tirar o fôlego. Só tens de quebrar essas barreiras, deitar abaixo tudo o que não te deixa ver.
Para lá deste dia cinzento, há cor, há beleza, há alegria. Mesmo que o coração ainda doa e sofra com as mágoas de ontem. A dor faz-te crescer e ficar mais forte. Para lá do horizonte, há um amanhã de esperança, há um sorriso de confiança, há uma mão cheia de fé…

Créditos da imagem: Catarina Gouveia
Poderão ver mais fotografias em facebook.com/CatarinaGouveiaActriz

Arquivo

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *